Malte, Malta, Tomates e Bacalhau

Por Valdez Gomes

vaz

Eram 04h40min da manhã de domingo quando deitei na cama para um sono que me revigorasse de um sábado recheado de atividades. Eu precisava daquelas horas de coma.

Às 10h30min o relógio despertou, mas eu não. Com a mão direita, ainda sonolento, passei a mão na tela do celular derrubando ao chão e enfim desativando o alarme.

Meio dia e meia acordei com um sobressalto. Putz! Era dia das mães e eu não havia comprado o presente para nenhuma delas. Saí da cama, escovei os dentes, tomei uma ducha gelada. Saí do quarto, de fininho, passei pelos fundos e corri até o shopping mais próximo. Voltei para casa com os presentes e as devidas felicitações pela a data.

Almoçamos, e o celular começou a pipocar novamente, dessa vez eram meus amigos querendo saber onde assistiria a final.

Passei a semana inteira convocando a galera para assistir num bar da Tijuca, reduto de todas as torcidas. Mas, eis que na sexta-feira, surge um plano B. Um samba beneficente num condomínio ali no Grajaú.

Convencidos,  alguns amigos me acompanharam, inclusive um tricolor.

Dezesseis horas e cinco minutos, chegamos ao tal condomínio, onde 8pessoas tentavam acompanhar numa teve de 32polegadas, 257 fantasmas e a cinco metros de distância, o jogo que dava mostra do que seria. Um Botafogo a fim de jogo e o Vasco só de tocaia.

Abortamos, momentaneamente, o samba e fomos para a Tijuca. No caminho, pedi ao taxista que ligasse o rádio no jogo (depois eles não entendem por que estamos optando pelo Uber). Ele atendeu meu pedido e na rádio, Alberto Brandão noticiava a prisão de um torcedor vascaíno que mostrara a genitália para algumas torcedoras do Botafogo. Na mesma hora liguei para um amigo que eu sabia que estava nas imediações do Maracanã. Pensei que fosse ele o torcedor detido. Felizmente, ele estava livre e com a genitália devidamente guardada.

Chegando  no bar, escolhemos uma mesa e pedimos a primeira. O jogo era morno, tirando um lance do Vasco e um chute perigosíssimo do Botafogo, nada de relevante havia acontecido.

Fim do primeiro tempo, nas outras finais, a lógica prevalecia. Santos batendo o bravo Audax, Galo vencendo o Coelho, Furacão passando pelo Coxa… E aqui nada de gol.

Veio o segundo tempo, e no intervalo o Vasco sacou o zagueiro Luan, que deu lugar a Rafael Vaz. Nada que fizesse alterar o preço do tomate na feira…

Aos quatro minutos da segunda etapa, Rodrigo cobra uma falta do meio da rua, Jeferson defendeu com certo susto para a torcida alvinegra. No contra-ataque, o preço do tomate subiu… Rafael Vaz, falha ao marcar a bola e não o atacante alvinegro que acerta uma bela cabeçada, estufando a rede vascaína e inflacionando o mercado das frutas e legumes. O que tinha de vascaíno querendo jogar tomate no pobre do Vaz…

Foram cinco minutos de incerteza. O time que sabe jogar contra o Vasco, abria o placar na final. Mas não seria justo perder a invencibilidade, justo no último  jogo. Foi então que o preço do tomate voltou a cair… Madson forja uma falta pela direita, o juiz cai na dele e apita. O resultado foi a consagração do zagueiro que há cinco minutos entrava para a história do jogo como vilão.

No restante da partida, a tônica foi a mesma, Botafogo buscando jogo e o Vasco, mais experiente e dono do resultado, cadenciado as jogadas.

Lá pelas tantas, um flash da final mineira: O Coelho que jogava de branco, fazia o  gol de empate frente ao Galo, que vestia seu tradicional uniforme alvinegro, como o Botafogo. Na mesa ao lado, um incauto vascaíno grito Gol!!!! Sozinho… Tirando gargalhadas dos espectadores das outras mesas.

Fim do jogo. Em meio aos gritos de Casaca, É Campeão, 6litros de cerveja, fotografias, postagens e muitas bravatas, pedimos a conta e fomos comemorar o título, como todo bom carioca, no samba, tomado por vascaínos e alguns botafoguenses. Que confraternizavam em paz depois de um belo jogo.

Grande abraço aos vascaínos, parabéns Botafogo!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Malte, Malta, Tomates e Bacalhau

  1. MENDONÇA, Leonardo disse:

    Parabéns pelo Bi e a essa turma boa da fuzarca.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s