Ele Serve

Por Gabriel Gomes

 

RIASCOS

 

Apertura 2012 no México, mais conhecido como Tequilão. Club Tijuana campeão pela primeira vez em sua jovem história. O título o coloca na Libertadores do próximo ano. Dentre velhos conhecidos e novos desconhecidos, destacava-se um Colombiano com DNA da velha escola, pernas muito habilidosas, abusado e desajeitado. Duvier Riascos.

Maio de 2013. Quartas de final. O Clube Atlético Mineiro tem pela frente o atual campeão mexicano. Jogo complicadíssimo. O Tijuana é uma pedra no caminho e um jogador insiste em tentar desviar o galo de seu destino. Duvier Riascos. 1 gol no México e outro no Horto. Será que existe algo de diferente nesse jogador ?

Mais algumas temporadas no México e o Cruzeiro resolve apostar no joia colombiana, que quase foi o algoz do maior rival alguns anos atrás. Riascos desembarca em BH. Muitos treinos e poucas chances reais. Momento conturbado da Raposa pós bi campeonato brasileiro, os melhores jogadores saíam em debandada, as dividas se acumulavam e o último cruzeirense apagaria a luz. Vamos emprestar Riascos.

Seu destino era a colina histórica.

Chegou tímido e desaconselhado a vir pro time do Coronel Eurico que amargava a lanterna no cenário nacional. Historicamente o Vasco é uma casa que recebe bem jogadores nessa situação. Atletas que precisam resgatar sua confiança e receber oportunidades para mostrar em campo seu valor. Normalmente em São Januário voltam a mostrar todo seu potencial e criam uma relação de afeto com o clube e com sua torcida para todo sempre.

Nas páginas dos jornais cariocas, Riascos figurava como mais um estrangeiro barato que viria tentar a sorte no país do futebol. Remontar os passos dos últimos estrangeiros que reafirmaram sua capacidade no Brasil e ganhar algum dinheiro. O Vasco não atrasa salário a muito tempo. Ponto pro capeta e seu charuto.

A trajetória do jogador se confundia com o clube e o Colombiano desajeitado fez do que ele se esperava no início, muitos gols perdidos e confusas jogadas. O time não ia bem. A chegada de Jorginho iluminou os caminhos do time e Riascos finalmente encontraria seu verdadeiro futebol.

A torcida do Vasco carrega consigo o mal que assola as torcidas de todos os times brasileiros. A falta de paciência com o jogador que defende suas cores. Nós não conhecemos nossos elencos e seu histórico dentro do futebol. Não encorajamos nossa base no profissional e jogadores recém chegados no clube recebem um voto de confiança de 2 jogos.

Jorginho e Nenê finalmente acertaram o time e Riascos foi uma peça fundamental nessa remontagem. A reta final do Brasileiro foi redentora e, mesmo com o rebaixamento, o orgulho vascaíno estava restabelecido.

2016 veio e já são 5 meses sem derrotas. 21 jogos de invencibilidade e de muito Riascos. Artilheiro do time em 2016. Já é o segundo estrangeiro com mais gols na história do Vasco no século XXI, só atrás do mestre Pet.

Nosso atacante colombiano é carioca, sente-se muito bem nos clássicos e a camisa cruzmaltina o deixa a vontade. Sua doação em campo é total. Desempenha muito bem o papel do atacante que se movimenta constantemente em campo, conectando o time às exigências do futebol moderno. Sua recomposição no campo de defesa é fundamental para a regência de Jorginho, sua habilidade e balanço não deixam outra opção se não o drible. Jogar futebol é seu maior prazer. Comemorar seus gols é o solo de sua guitarra.

Para os que pensam futebol como um sistema binário, onde só serve quem faz gol importante de título. Podem finalmente sair do armário.

Riascos precisa ficar no Vasco. Ele pode estar de saída e só sentiremos sua falta quando não estiver mais disponível no elenco. Precisamos gritar mais o nome dele nas arquibancadas.

Meu caro Riascos, a bola parece gostar de você mais do que os vascaínos.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Ele Serve

  1. Dup disse:

    FICA, RiRi!!!!!!!!

    Curtido por 1 pessoa

  2. ferreiraraul disse:

    O mundo da voltas! E da mesma forma que a bola pune, ela consagra.
    Um cara que comemora igual o Riascos, merece fazer muitos gols mesmo

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s