O Desabafo do Futebol

Texto por: Gabriel Gomes

Vocês gostam mesmo de futebol?

Não há duvidas de que o universo do futebol é um ecossistema formado por personalidades que nem sempre expressam seu verdadeiro relacionamento pelo jogo, arrotando palpites e pitacos quando lhes convém e desdenhando e desmerecendo a seu bel prazer o esporte mais popular da terra.

Poupem o mundo dos seus discursos pré-congelados. Parem de resumir o futebol em altos salários. Eles ganham o que merecem. Entendam isso de uma vez por todas.

Esses mesmos batem no peito quando seu time está ocupando o G4 e são indiferentes quando seu clube não lhe dá motivos para se elevar perante a sociedade. Esses não sabem quem é o camisa 7 atual do time e cantam o hino, pois aprenderam nas boates em forma de batida de funk. Saiam logo do armário e admitam que gostam mesmo é de vôlei, seus amantes de ocasião! Escravos dos modismos! Vá escutar sertanejo no Rio e samba em Goiás!

As vezes acho que as pessoas deveriam merecer assistir futebol.

Estamos vivendo um processo que as boas rodas de discussão de boteco estão sendo substituídas por “garotos-Facebook”, portando sapatênis da Osklen, competindo por quem é mais pedante.

Fico bem mais confortável em uma visita à cadeia.

Existem aqueles que só enxergam a agremiação que optaram seguir nos primeiros anos de vida. São fiéis às cores do time, seja nas quadras, nas regatas ou nas pistas. Para esses, o diagnóstico é fácil: não gostam de futebol.

Hoje, a população que frequenta os grandes estádios é formada por imbecis que se importam mais que o banheiro cheire a alfazema do que em apoiar seu time e torcer irracionalmente por uma vitória.

Mas existe uma classe muito seleta, mas muito seleta. Os que não abandonariam esse esporte por nada. Loucos que gostam do jogo, das regras, da mecânica. Incompreendidos que consultam a programação dos canais com alguns dias de antecedência, que se encantam pela pelada dos garçons as 4h da manhã no aterro. Animais, que não se censuram pela qualidade do espetáculo, zumbis que nunca deixariam esse esporte morrer.

Minha noiva é a pessoa que menos entende de futebol e mais o respeita. Simplesmente ignorando e admitindo que odeia o jogo. Ela o deixa em paz.

Alguém disse um dia: “Futebol é a coisa mais importante das menos importantes. ”

E ouvi dizer que “Futebol é igual a sexo, quando é ruim ainda sim é bom. ”

Futebol não é para vocês.

Messi

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado . Guardar link permanente.

2 respostas para O Desabafo do Futebol

  1. MENDONÇA, Leonardo disse:

    Eu só aceito conversar com quem entende. Leitores de manchetes, torcedores na copa, flamenguistas de família, eu não me dirijo a palavra. De forma radical.
    Abraços

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s